terça-feira, 19 de junho de 2018

Exposição "COPA DO MUNDO"


Para comemorar a Copa do Mundo, a Biblioteca Municipal Poeta Paulo Bomfim abre as portas para abrigar uma exposição em celebração a Copa do Mundo. Todos estão convidados para a mostra de livros relacionados ao tema.


quarta-feira, 23 de maio de 2018

Tarde de autógrafos na Biblioteca Municipal homenageia professores

Evento na quarta-feira (30) celebra o livro “A Professorinha Maluquinha: Vou mandar meus alunos pro espaço!”, dos autores Gilmar França e Sara Mazzei


Quem nunca teve um professor cuja aula “voava” de tão dinâmica e divertida para os seus alunos? Essa é a história do livro “A Professorinha Maluquinha: Vou mandar meus alunos pro espaço!”, dos autores Gilmar França e Sara Mazzei, que terá tarde de autógrafos na quarta-feira (30), às 14 horas, na Biblioteca Municipal Poeta Paulo Bomfim, na Rua Cunha Moreira, 71, Centro.
O livro é uma ficção, baseada em fatos reais, que conta facetas do dia a dia de uma professora “fora do comum”. Com linguagem simples e divertida, e ilustrações feitas por Paulo Clementi, a obra é, sobretudo, uma homenagem a todos os professores – inclusive aqueles que não possuem formação acadêmica, em referência aos pais.
No prefácio do livro, a professora Fátima Aparecida Teixeira Monteiro comenta sobre a obra: “Não se trata de um simples livro, mas sim de uma verdadeira obra-prima, onde os autores Gilmar França e Sara Mezzei, com seus personagens, conseguem transmitir, de uma maneira especial, conhecimentos, valores, ética, socialização e o trabalho em equipe, envolvendo os pais e a escola”.
AUTORES – Gilmar França nasceu em Londrina, Paraná, reside em Itanhaém e atualmente é comerciante. É membro efetivo da Academia Itanhaense de Letras, com dois livros publicados: “As Aventuras da Turma de Fatiminha (A Missão)”, de 2014, e “As Aventuras da Turma de Fatiminha II (O livro que queria ser lido)”, de 2016. Atualmente, trabalha no desenvolvimento do projeto “Jovens Escritores” que incentiva-os a escrever seus próprios livros, inicialmente, de forma artesanal.
Por sua vez, a professora Sara Pereira Rufino Mazzei trabalha na Rede Municipal de Ensino desde 1999. Ela é pós-graduada em Atendimento Educacional Especializado e em Técnica e Pesquisas do Ensino Superior, graduada em Pedagogia e formada no Magistério. Desenvolve o projeto “Leitura por Todos os Sentidos”, premiado pelo Programa Nacional de Incentivo à Leitura (Proler – Universidade Santa Cecília).





terça-feira, 8 de maio de 2018

Livro “Eu, Ìyáwo” será lançado nesta sexta-feira na Biblioteca

A autora, Érica Jorge, realizará um bate-papo com os presentes sobre as religiões afro-brasileiras e o seu papel na luta contra o racismo



Nesta sexta-feira (11), a Biblioteca Municipal Paulo Bomfim receberá o lançamento do livro “Eu, Ìyáwo”, de autoria de Érica Jorge. O evento será aberto ao público, a partir das 19 horas. A autora da obra realizará um bate-papo com os presentes sobre as religiões afro-brasileiras e seu papel na luta contra o racismo. O espaço fica na Rua Cunha Moreira, 71, Centro.

“Eu, Ìyáwo” nasceu da vontade de compartilhar experiências e sensações vividas em uma iniciação no candomblé “jeje-nagô”, chamada usualmente de “feitura de santo”. Nele, a autora convida a conhecer os anseios, expectativas e as histórias de quem viveu, juntamente com sua filha de apenas cinco anos, 21 dias recolhida no “hunkọ” ‒ quarto sagrado dentro do terreiro ‒ durante a iniciação.
Com linguagem acessível e sensível (e não menos respeitosa à sua tradição religiosa), o leitor é levado para uma casa de candomblé, onde passa a observar e entender a estrutura, hierarquia, beleza, música, dança e magia presentes nesse universo. Érica foi iniciada com sua filha de cinco anos e mais três irmãs de santo, que estão presentes no livro. Seus pensamentos, sentimentos e experiências dão contorno a esta obra, cuja narrativa permite desmistificar preconceitos ainda tão arraigados.

Ainda na noite de sexta (11), acontecerá uma conversa sobre “Racismo no Brasil: as religiões afro-brasileiras como políticas de resistência”, com o intuito de demonstrar a conjuntura sócio-histórica responsável pelo racismo no país e as formas encontradas pelas religiões afro-brasileiras como resistência a esse cenário. A educação, a cultura e a arte são colocadas em diálogo visando o respeito às tradições africanas e afro-brasileiras.

AUTORA – Érica é bacharela e licenciada em Letras pela Universidade de São Paulo (USP), bacharela e especialista em Teologia Afro-brasileira pela Faculdade de Teologia com ênfase em Religiões Afro-brasileiras (FTU), mestra e doutora em Ciências Sociais pela Universidade Federal do ABC (UFABC). É professora de Língua Portuguesa para Ensino Médio e também ministra para o Ensino Superior. “Os títulos estão longe de me traduzir”, afirma. “Vejo-me como uma amante da literatura, poesia, das artes e da vida. Gosto de viajar com os autores, ler histórias fictícias e reais, conhecer lugares, pessoas e aprender com eles”.

terça-feira, 24 de abril de 2018

Biblioteca terá sarau e lançamento de livro na sexta

ATRAÇÕES - ‘Saber e temor’, sexto livro do acadêmico Nilton Nicola, reúne cinquenta crônicas


Na sexta-feira (27), a Biblioteca Municipal Poeta Paulo Bomfim receberá o lançamento do livro ‘Saber e Temor’, do acadêmico Nilton Nicola. O evento acontecerá em parceria com a Academia Itanhaense de Letras e, na mesma noite, também haverá um sarau com músicas e poesias em homenagem ao aniversário da Cidade, comemorado no último dia 22. O espaço fica na Rua Cunha Moreira, 71, Centro, e as duas atrações serão abertas ao público, a partir das 18 horas.
‘Saber e temor’, sexto livro de Nilton Nicola, reúne cinquenta crônicas, todas de natureza política, escritas em 1993 e 1994 para a imprensa de Bragança Paulista, cidade do interior de São Paulo. Ele acredita que os textos se mantêm atuais e pertinentes, mesmo sendo de duas décadas atrás.

SOBRE O AUTOR – Nilton Nicola nasceu na cidade de São Paulo, é membro da Academia Itanhaense de Letras e formou-se em Direito e História. Tem mestrado e doutorado em Letras, possui experiência no Ensino Superior desde 1986. Iniciou carreira de escritor em 2008, com o livro ‘Em Preto e Branco’; depois lançou ‘Ouro e Prata’, em 2011; ‘Díscolos e Sicofantas’, em 2013; e ‘Gênese & Apocalipse’ em 2016, este último em parceria com Silvia Siqueira.






sexta-feira, 13 de abril de 2018

Exposição Itanhaém - 486 anos

       Em comemoração ao aniversário de 486 anos de Itanhaém, a Biblioteca Municipal Poeta Paulo Bomfim realiza, dos dias 9 à 23 de abril, uma exposição dedicada ao município: 'Itanhaém 486 anos'. A mostra reúne livros que contam a história da cidade. 
       Obras como " Anchieta e Itanhaém", que conta a trajetória do santo, suas contribuições culturais e religiosas para a cidade e "Itanhaém, um mar de história", um resgate patrimonial nos aspectos geográficos, históricos, artísticos e culturais com ilustrações, poemas e músicas, estarão à disposição do público.
       A Biblioteca Municipal Poeta Paulo Bomfim tem horário de funcionamento de segunda até sexta, das 8 ás 17 horas, na Rua Cunha Moreira, 71, Centro. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: (13) 34261477 





terça-feira, 27 de março de 2018

Livro “Rota do Sol” terá noite de autógrafos na próxima quinta























Na quinta-feira (29), a Biblioteca Municipal receberá um evento ilustre: a noite de autógrafos da segunda edição do livro “Rota do Sol”, de autoria da jornalista Rosana Valle, apresentadora do programa homônimo na TV Tribuna. O início está marcado para as 18 horas. A Biblioteca fica na Rua Cunha Moreira, 71, Centro.
O livro retrata os roteiros feitos pela jornalista ao longo dos 18 anos do programa. São mais de 500 imagens que simbolizam os passeios da própria região – com colaboração de diversos fotógrafos renomados – e também do exterior, sobretudo relacionadas à história, gastronomia e personagens encontrados ao longo da trajetória.
A própria autora deixa claro que um dos objetivos do trabalho é o de divulgar o patrimônio cultural das próprias cidades. “Temos muitos motivos para nos orgulhar de nossa região, tão rica em belezas e cultura. Esse livro é uma contribuição da TV Tribuna ao jornalismo, que também é feito de boas notícias, boas práticas, bons exemplos e boas histórias”, conclui Rosana Valle.
Dentre as cidades apresentadas no livro aparece Itanhaém, com seus pontos turísticos carregados de história e cultura, como a antiga Casa de Câmara e Cadeia (atual Museu Conceição de Itanhaém), dando destaque aos itens presentes no local assim como o livro “Vila de Itanhaém”, que foi escrito pelo pintor e itanhaense Benedito Calixto. Outro ambiente apontado é a Igreja Matriz de Sant’Anna, localizada na Praça Narciso de Andrade, também no Centro, destacando seus detalhes esculpidos em madeira e o quadro original de Calixto.
Duas fotógrafas da Cidade contribuíram diretamente com a obra. “Tive a oportunidade de registrar diversos cantos da nossa região, desde o Centro Histórico, chegando até mesmo a Peruíbe. Temos uma riqueza natural e histórica que merece ser mostrada por todos os cantos do país. Para quem gosta da região, é um livro mais que recomendado”, disse uma delas, Josy Inacio.
“Fiquei muito feliz em participar. Primeiro, por ver minhas fotos em um livro que certamente já é referência na Baixada Santista e principalmente por representar a nossa Itanhaém em um projeto ousado, com diversos fotógrafos de uma qualidade ímpar”, afirmou a outra profissional da Cidade que participou da coletânea de imagens, Katia Doenz, que retratou pássaros e vistas aéreas.

quinta-feira, 8 de março de 2018

Inscrições para Curso Básico gratuito de Inglês

As inscrições para o Curso Básico de Inglês, para crianças de 6 a 12 anos, estão abertas e vão até o dia 16 de março; as vagas são limitadas. As aulas ocorrerão duas vezes por semana e o curso terá duração de um mês.

O curso oferecido tem como objetivo principal ensinar as crianças os conceitos básicos acerca da língua inglesa e despertar a curiosidade para o conhecimento de outro idioma.

Os interessados devem comparecer com o responsável na Biblioteca Municipal Poeta Paulo Bomfim, das 8 às 17 horas, na Rua Cunha Moreira,71, no Centro. Para fazer inscrição é necessário apresentar os documentos originais: documento da criança, do responsável e comprovante de residência. Para mais informações entrar em contato através do telefone (13) 3426-1477.

Oficina de Redes Sociais para Terceira Idade

As inscrições para a Oficina de Redes Sociais para Terceira Idade estão abertas, e vão até o dia 16/03, o curso possui vagas limitadas e os interessados devem comparecer na Biblioteca Municipal Poeta Paulo Bomfim, das 8 às 17 horas, na Rua Cunha Morera,71, no Centro.

As aulas terão noções básicas para a utilização de smartphones, tablets e computadores com orientações de como configurar conta de e-mail, tirar fotos, elaborar filmagens, chats, além de acesso a redes sociais e como fazer pesquisas no Google, ouvir músicas e assistir  vídeos no Youtube, checar e-mails, conhecer e conversar com amigos no Facebook, Twitter e ver fotos no Instagram.

As aulas iniciam no dia 19 de março e o curso tem duração de um mês e meio com duas aulas semanais, todas as segundas e quartas-feiras das 9h às 10h30. Para fazer inscrição é necessário ter idade acima de 55 anos e apresentar os documentos originais: carteira de identidade e comprovante de residência. Para mais informações, pode-se entrar em contato através do telefone (13) 34226-1477.

“O objetivo principal do curso é fazer com que pessoas da terceira idade, que nunca utilizaram um computador, possam explorar os principais recursos de pesquisa e entretenimento, ter uma identidade virtual e participar de redes sociais. Outro ponto importante é promover a inclusão digital e mudar o conceito de que a informática serve somente para os jovens”, ressalta a bibliotecária Maraléia Menezes.

Exposição em homenagem ao Dia Internacional da Mulher

A Biblioteca Municipal Poeta Paulo Bomfim traz esse mês uma exposição literária dedicada ao Dia Internacional da Mulher e tem como atração grandes nomes femininos da música, teatro e literatura. A mostra "Mulheres na Arte" ficará em exposição do dia 05 até o dia 16 de março. 

A exposição conta com grandes nomes femininos da literatura, como Rachel de Queiroz, Clarice Lispector, Zélia Gattai, Hilda Hilst, Nélida Piñon e Agatha Christie, e de poetisas como Florbela Espanca, Cecília Meireles, Cora Coralina. A força da mulher brasileira será representada nas biografias da revolucionária Anita Garibaldi e de Patrícia Rehder Galvão, a Pagu.

Na música estão expostas as biografias de consagradas cantoras: Elis Regina, Maysa, Rita Lee, Chiquinha Gonzaga, Amy Winehouse, Adele e Madonna. Na arte de interpretar, as homenageadas serão: Carmen Miranda, Marilyn Monroe, Shirley Maclaine entre outras.  

A Biblioteca, assim como a exposição, tem horário de funcionamento de segunda a sexta, das 8 às 17 horas, na Rua Cunha Moreira, 71, Centro. 


Seguidores do Blog